Vc sabia que…? – Capítulo 10
20/03/2012 2 comentários

Vc sabia que…? – Capítulo 10

Seja um leitor parceiro! Faça suas reservas aqui pelo blog

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar e a atualizar nosso conteúdo, sem você ter que pagar nada a mais por isso.

Atendendo a pedidos, aqui vai uma das tantas curiosidades de Cuba…
Quando fui a Cuba, uma das primeiras coisas que fiz foi procurar qual era a moeda da ilha, aonde poderia comprar etc.
Descobri que a moeda utilizada pelos turistas é o CUC (peso conversível), mas descobri também que tal moeda não é “comercializada” fora de Cuba. Desconfiada do jeito que sou, a princípio pensei: “Não é possível que não se venda moeda cubana em São Paulo com tanta gente que vai para lá. Entrarei lá com dólares????? Em um país com tantas diferenças com os Estados Unidos??? Não faz o menor sentido…”
Pois é…aí, que eu me enganei…pode???
Pode e, pode muito! E sabe por que, meu digníssimo leitor???
Porque a moeda utilizada pelos turistas que visitam Cuba é somente aceita na ilha e, praticamente, em lugares turísticos…
Como assim, flor???
Calma, calma…explicarei…
Em Cuba há duas moedas sendo uma utilizada exclusivamente pelo visitantes, o CUC (peso conversível) e a outra exclusivamente pelo povo que habita a ilha, o CUP (peso cubano).
E qual é a diferença???
Elementar, meu caro leitor…o valor das duas!!!
O CUC equivale (acreditem) a um dólar americano, enquanto que, o valor do peso cubano, o CUP (acreditem), é cerca de 25 vezes inferior ao CUC.
Um visitante nunca verá um peso cubano, a não ser que um simpático cubano o mostrar ou der de presente! E posso falar que fui uma pessoa sortuda! Ganhei algumas moedas deste povo tão simpático e feliz…;o)!
E aonde afinal consigo comprar o tal do CUC, flor???
Isso é bem simples (claro…)!!! Você consegue trocar em vários lugares…desde o aeroporto ao hotel aonde estiver hospedado. As casas de câmbio aceitam dólares americanos (acreditem), canadenses, euros etc.
Pelo amor de Deus, não queria dar uma de “rebelde” levando somente o cartão de crédito. Você não estará nos Estados Unidos, baby!!! O negócio é bem mais “retrô” que imagina…não me mate de vergonha alheia, hein???
O mais gratificante em toda essa história e, que guardarei pela minha vida toda é o olhar e o sorriso de um cubano quando você retribui um serviço prestado ou uma gentileza com um CUC. Vocês tem noção de quanto isso vale para eles??? Não, né??? Eu também não sabia…
Como essa série é feita de curiosidades, caso queira saber mais sobre a cultura cubana, é só pedir a flor outro post…;o)!

Seja um leitor parceiro! Faça suas reservas aqui pelo blog

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar e a atualizar nosso conteúdo, sem você ter que pagar nada a mais por isso.