Foz do Iguaçu além das Cataratas – by Gleiber Rodrigues
03/04/2012 3 comentários

Foz do Iguaçu além das Cataratas – by Gleiber Rodrigues

Seja um leitor parceiro! Faça suas reservas aqui pelo blog

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar e a atualizar nosso conteúdo, sem você ter que pagar nada a mais por isso.

Hoje vamos de Foz do Iguaçu! – Meus queridos leitores é com muito orgulho que apresento o sétimo post de seguidor do blog! Este post é muito especial para mim porque foi feito por um amigo virtual, médico e blogueiro pelo qual tenho um carinho enorme, Gleiber Rodrigues. Nos conhecemos no meio dos #TTs e RTs no Twitter e a energia foi tão boa e recíproca que nos tornamos grandes amigos virtuais.Gleiber é dono do super respeitado e badalado blog de viagens, o Andarilhos do Mundo (http://www.andarilhosdomundo.com/) o qual sou fã e vive me prestigiando…;o)! Muito obrigada pelo carinho, meu amigo querido!

Depoimento do Gleiber sobre o blog:

“Conheci a Gardênia, assim por acaso. Acho que foi através de um post que ela escreveu sobre Tibaú do Sul (leiam gente, é hilário!). Já me encantei de cara com o estilo divertido e leve de contar causos que ela tem. Não é qualquer pessoa que sabe rir dos seus próprios tropeços e já percebi de cara que por trás daqueles textos e daqueles destinos legais, tinha uma pessoa muito divertida. Tenho que confessar que foi lendo um post seu que me convenci a experimentar o carnaval carioca ano que vem! Tomara que dê tudo certo! E para retribuir essa amizade “online” (já perdi as contas de quantos RTs, #FFs e #TTs já ganhei!), o mínimo que eu poderia fazer era aceitar esse seu convite honroso para participar desse blog que adoro.”

E bora falarmos de uma das maravilhas do mundo…Gleiber e eu, apresentamos Foz do Iguaçu…
Depois de passar seis maravilhosos dias em Foz do Iguaçu durante o #BlogTurFoz agora em Março de 2012 (http://www.blogturfoz.com.br/), não poderia pensar num destino mais legal para compartilhar com vocês. É tão pertinho, é tão brasileiro, é tão divertido que não consigo acreditar que até tão pouco tempo atrás eu ainda não conhecia. Vou confessar que há coisa de dois anos atrás eu nem cogitava ir pra lá! Mas depois de ler relatos em alguns blogs de turismo e acompanhar bem de perto a primeira edição do #BlogTurFoz, aos poucos eu fui me dando conta de que sim, este era um lugar que merecia estar na minha lista.

Mesmo assim, como muitos brasileiros por aí, cheguei lá imaginando que a viagem era, basicamente, para contemplar uma linda cachoeira. E estava redondamente enganado.

Primeiro que a gente não pode nunca achar que aquilo é uma SIMPLES cachoeira. Esqueça tudo o que você já viu em fotos, vídeos ou a imagem mental que você tenha na cabeça aí! Aquilo é um colosso de beleza e grandiosidade, gente! Uma família chilena uma vez me disse que era sacrilégio eu, como brasileiro, já ter visitado lugares distantes mundo afora sem ter conhecido antes as Cataratas do Iguaçu.

Hoje eu entendo o que eles queriam me dizer: ninguém ganha o título de maravilha do mundo gratuitamente.

Primeira dica: jamais se contente em conhecer apenas o lado brasileiro do Parque. Você vai perder a incrível sensação que é caminhar literalmente sobre as águas das cataratas. E não se atreva a visitar apenas o lado argentino: a névoa que sopra da garganta do diabo, dando um banho na alma, só tem do lado de cá. Um dia para cada lado, sem choro, nem vela.

Segunda dica: Não deixe de visitar o Parque das Aves! Fica perto da entrada do Parque Nacional, bem do ladinho. Se puder tirar duas horas do seu dia para a visita, beleza. Se não, vá com meia hora mesmo, mas vá (mas depois não diga que não avisei que você ia querer passar ao menos duas horas lá dentro!!!).

Com ou sem crianças, para fotógrafos amadores ou profissionais, para amantes da natureza ou simples curiosos, poucos zoológicos te colocam dentro dos viveiros em contato tão direto com os animais.

Terceira dica: Faça ao menos um passeio de ecoturismo! Fizemos a Trilha do Poço Preto (lado brasileiro) e adentramos a mata avistando diversos animais silvestres: quatis, aranhas, tartarugas e aves. A atividade termina no Rio Iguaçu, correnteza abaixo, pilotando um caiaque até bem pertinho das quedas. Emocionante! Já o Tour Gran Aventura (lado argentino) é um barco motorizado que te leva para um BANHO debaixo das cataratas. Ouviu o que eu falei? BANHO!!! Não é força de expressão, não. É muito sério! Recomendo para quem gosta de emoções fortes. Vou resumir em poucas palavras: foi a coisa mais incrível que já fiz na VIDA!

Quarta dica: Itaipu, a maior usina hidrelétrica do mundo em produção de energia é outra atração imperdível. Reserve um dia para fazer o circuito especial e esquadrinhar mirantes panorâmicos, áreas de preservação e entrar no coração da barragem para ver uma turbina em pleno funcionamento. Uma outra forma de conhecer tudo lá dentro, é uma atração exclusiva que começou a funcionar em 2012: o “Test Drive Veículo Elétrico”. Você dirige um Palio Weekend ecologicamente correto por um trajeto de 20km conhecendo e parando pelas atrações. Fica só faltando entrar dentro da barragem.

 

Quinta dica: Nenhuma viagem ao exterior é perfeita sem umas comprinhas de artigos sem impostos, não é mesmo? E lá você pode usufruir dessa barbada tanto no Paraguai quanto no Duty Free da Argentina. E se você teme falsificações, é fácil: não compre nada na rua, apenas nos shoppings e nas grandes lojas de departamentos. O país há muito tempo não é mais só para sacoleiros e acredite: tem que ter muita força de vontade para não estourar a cota de US$ 300,00.

A estrutura para o turista anda digna de primeiro mundo, com hotéis de alto nível e diversas opções gastronômicas: de churrascarias a parrillas (não deixe da ir a Puerto Iguazú comer um bife de chourizo, hein?); de baladas a barzinhos. E olha que nem falei do centro budista, do marco das três fronteiras, da mesquita árabe… Tem atrações para passar até mais de uma semana sem enjoar e sem repetir passeios.

Se você não tinha colocado Foz do Iguaçu no seu roteiro, ou tinha colocado só um finzinho de semana, é bom repensar os seus conceitos! Eu mesmo já estou marcando a minha próxima viagem pra lá (sério! Quero participar da corrida Iguassu Night Run, prova de 8km!).

Querem saber mais sobre essa viagem? Estou contando tudinho lá no meu blog: http://www.andarilhosdomundo.com/

Seja um leitor parceiro! Faça suas reservas aqui pelo blog

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar e a atualizar nosso conteúdo, sem você ter que pagar nada a mais por isso.