Chuí (Chuy) – Vale a pena se hospedar?

Chuí (Chuy) – Vale a pena se hospedar?

Uma das dúvidas mais clássicas de rota para quem planeja viajar de carro ao Uruguai desde o Rio Grande do Sul é onde se hospedar na primeira parada.

Se você tiver em mente visitar a região de Punta del Diablo, Punta del Este, Montevidéu e afins, o mais lógico é descer pela fronteira do Chuí (Chuy) para seguir estrada. E, nessa lógica e, também em função do longo trajeto de Porto Alegre até a fronteira, muitos pernoitam no Chuí.

Mas será que vale a pena?

A minha resposta é NÃO! E, não, pelos seguintes motivos:

a) é caríssimo se hospedar em um lugar razoável no Chuí tanto do lado brasileiro quanto do lado uruguaio (Chuy). Os hotéis não são muito confortáveis e de boa qualidade e, você ficará muito bravo, como eu fiquei, de ter gasto os seus reais por aquela hospedagem;

b) se você se hospedar do lado uruguaio, o valor cobrado pela diária será muito provavelmente em dólar, apesar de falarem aquele portunhol bacana e estarem do outro lado da avenida brasileira;

c) em função da umidade presente na região, muitos hotéis ficam com o chão também úmido e você ficará meio apreensivo de colocar os seus pés no chão. Um horror…

d) tal fronteira é feia que é o diabo! Tudo é feio, em todos os cantos em torno das praticamente duas avenidas (ou ruas para muitos).

Mas…tudo tem um lado bom, né minha gente?

Saindo daquelas avenidas do Chuí e dirigindo mais alguns quilômetros, há uma belísima fortaleza chamada Fuerte de San Miguel que vale a parada antes de seguir caminho.

E, por falar nela, ali coladinho está a Hosteria Fortin de San Miguel, que é uma excelente opção para se hospedar, a quem quer sossego e é fã de um lugar rústico com um quê de glamour.

Caso não seja  a sua vibe se hospedar em um lugar desses, além de se convencer com os meus argumentos que o Chuí não é uma boa opção, ande mais alguns quilômetros, passe a fronteira e controle de fronteira e vá em direção a Barra del Chuy, La Coronilla, que também são lugares tranquilos, mas bem melhores e belos que a região de fronteira.

Gostou das dicas? Seja mais um leitor parceiro e nos pague um café!

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar esta plataforma e a atualizar nosso conteúdo com várias dicas bacanas e úteis a você, sem que tenha que pagar nada a mais por isso. Caso tenha que cancelar a reserva por ter encontrado um preço melhor no Booking.com ou em outro parceiro, entre novamente no link de hospedagem abaixo para fazer a transação, já que o site de hospedagem desconsidera a comissão pra gente quando ocorre o cancelamento e é feita uma nova reserva. Muito obrigada ;-)