Cinco dicas simples para economizar no Carnaval

Cinco dicas simples para economizar no Carnaval

Quer cinco dicas para economizar no Carnaval  e extravasar na folia?

Antes de entrar no assunto de hoje, gostaria de agradecer as várias pessoas que vieram conversar comigo e com a Gardens sobre o polêmico post sobre se vale a pena ou não ter um plano de previdência privada.

É muito gratificante para nós quando escrevemos um texto e sentimos essa repercussão toda. É uma sensação de dever cumprido e de que estamos trazendo conhecimento financeiro para o nosso leitor. Agradecimentos feitos, vamos falar do que importa nesta semana: CARNAVAL!

A data esperada por muitos está chegando e a contagem regressiva para a sexta-feira a noite já iniciou. Mas enquanto a sexta não chega, tem uma coisa essencial que você, leitor, fazer para curtir ainda mais essa folia: planejar os gastos para não deixar o seu dinheiro ir pelo ralo.

Muitos ao iniciar a leitura desse post, vão pensar: “Nossa, mas planejar finanças para economizar no Carnaval? Que coisa mais chata…”. – O assunto pode até parecer chato antes do Carnaval, mas tenho a certeza que, depois que a folia acabar, você vai agradecer e muito o seu bolso por ter feito o planejamento correto e por não ter estourado o seu orçamento, possibilitando curtir outras festas pós Carnaval…rsrsrs.

Pensando nesse assunto, preparei algumas dicas para a gente poder curtir o Carnaval e aproveitar para dar aquela economizada. Se você estranhar alguma dica, lembre-se que sou do interior (e que percepções de valores e afins podem variar)…rs

1 – Faça um esquenta antes de ir para a festa ou bloco

Vocês podem não perceber, mas durante o período de Carnaval, determinados bares. restaurantes e supermercados sobem exponencialmente o valor das bebidas.

Fazendo uma conta rápida, quantas bebidas você pretende beber durante a folia? Vamos ser sinceros. Muitas, né? kkkk – Já imaginou pagar R$5,00 por cada lata de cerveja nos locais onde as festas acontecem? Então por que não comprar a mesma lata de cerveja por apenas R$2,00 no supermercado e levar naquele cooler descolado com mais alguns amigos?

Outro ponto importante para quem não gosta de cerveja e prefere os destilados, ao invés de beber aquela vodca cara, opte por bebidas mais baratas como uma caipirinha de limão ou bebida como Jorge Amado (bebida que eu amo, feito com cachaça de Paraty).

2 – Antes de começar o Carnaval, determine quanto você irá gastar durante todo o feriado

Essa dica é essencial não somente para o Carnaval, mas para qualquer outra viagem que esteja em seus planos. Antes de chegar à sexta a noite, separe o valor que você vai usar durante todo o feriado e a dica mais importante aqui é separar por dia quanto você irá gastar, pois muita gente acaba separando um valor x para o Carnaval e, quando vê, no primeiro dia já gastou metade desse dinheiro.

Para as pessoas que acabam se sabotando, leve o valor planejado em papel moeda, para não ficar utilizando o cartão, pois pode não perceber e acabar estourando o seu planejamento.

3 – Economize na comida

Se você é uma pessoa que adora beber e viver na folia do Carnaval, são grandes as chances de quase 60% do valor planejado ser destinado ao goró (lembre-se: beba com responsabilidade e se beber não dirija). Mas, saco vazio não para em pé, não é mesmo? Então, evite comer na rua e compre alimentos no supermercado.

Cozinhar pode trazer uma economia de cerca de 30% e as opções são muito mais variáveis.

4 – Faça a sua própria fantasia

Muitas pessoas adoram se fantasiar durante essa época, mas realmente vale a pena pagar um valor mega inflacionado por fantasias que você mesmo pode fazer? Ao invés de gastar muito com essas fantasias, use da sua criatividade para criar a fantasia que deseja. E, se a criatividade não está ajudando, existem vários sites que dão dicas de como fazer sua própria fantasia ou até mesmo utilizar roupas que você possui de uma maneira que contribua para sua fantasia.

5 – Opte por bloquinhos de rua ao invés de festas privadas

O Carnaval é a festa de maior repercussão no país, então varias cidades oferecem bloquinhos de rua. Recife, Rio de Janeiro, Florianópolis, São Paulo, de norte a sul existem cidades que possuem blocos sensacionais que não custam nada para você seguir o trio elétrico e são diversão na certa.

Festas privadas, geralmente, possuem valores altíssimos nos ingressos, nas bebidas etc. Se você tem preferência por essas festas, mescle um pouco dos dois para dar aquela economizada.

Apesar dessas dicas de economizar no Carnaval  parecerem chatas para pensar durante a folia, trarão um alívio financeiro quando a festa acabar e o cotidiano voltar ao normal, possibilitando que o seu orçamento do mês não saía dos trilhos.

Bom Carnaval 🙂

Fotos: Gardênia Rogatto

Seja um leitor parceiro! Faça suas reservas aqui pelo blog

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar e a atualizar nosso conteúdo, sem você ter que pagar nada a mais por isso.