Câimbra – o que é, quem tem e como evitar?

Câimbra – o que é, quem tem e como evitar?

Quem nunca teve aquela dor incomoda de uma câimbra? Ela aparece a qualquer momento, quer seja quando está no trabalho, sentado, andando no shopping com sua família, no meio do treino e até mesmo dormindo. Não importa! Ela aparece do nada e com ela, aquela dor aguda, como uma fisgada.

A câimbra nada mais é que uma contração involuntária dos músculos que ocorre em função do desequilíbrio hidro eletrolítico na região, ou seja, é um sinal do corpo de que está faltando água e sais minerais, como potássio e sódio naquela região. Essa tal dor de câimbra funciona como um termômetro que mede o equilíbrio de água e nutrientes em nosso corpo.

Além da câimbra involuntária, algumas drogas e remédios também podem causar tal fisgada, como por exemplo, diuréticos em geral, remédios utilizados no tratamento de Alzheimer, osteoporose e câncer, broncodilatadores, bem como, remédios para controle do colesterol.

A boa notícia é que ela não tem consequências para a saúde. É só a dor momentânea mesmo. E que dor…

Nobodies. GIF - Find & Share on GIPHY

GIF: https://giphy.com

Quando as câimbras são mais frequentes?

Mulheres grávidas, idosos e crianças são os que mais sofrem. Quem pratica exercícios físicos regularmente, infelizmente está mais vulnerável a elas. Isso acontece por dois fatores. O primeiro pela depleção da reserva de glicogênio, e o segundo, por causa do suor. Em ambos os casos, o corpo perde água, nutrientes e sais minerais.

Outro fator curioso é que ela costuma aparecer mais na parte inferior do corpo, ou seja, pernas e pés, incluindo os dedos! Isso ocorre porque são estas as áreas de maior desgaste. Por isso, são os lugares que mais sofrem com as câimbras.

Se você tiver um trabalho que demanda muito esforço físico de braços e costas, deve perceber uma maior incidência nestas regiões. Tudo depende da região envolvida no esforço, que faz com que a musculatura afetada acabe perdendo muito mais liquido e nutrientes do que nas regiões menos exigidas.

Quem sofre de câimbras noturnas deve se perguntar o motivo. Sabe por quê ocorre? Porque é nesta hora que o corpo relaxa para fazer o balanço. Na falta de algum nutriente, solta o aviso simpático e doloroso que é… a tal da câimbra. A fisgada também pode acontecer nesta hora porque há o relaxamento brusco do músculo que ficou contraído o dia todo.

Como evitar a câimbra?

Sim, o aparecimento dela pode ser substancialmente evitado. Só precisamos prestar atenção em alguns hábitos e tomar alguns cuidados, tais como:

GIF: musicGIF.com

 

Banana funciona! – Por ser rica em potássio, um dos minerais responsáveis pelo equilíbrio hidro eletrolítico do organismo, ela ajuda muito na prevenção das maledetas. Laranja,  melancia e ameixa seca também são ótimas aliadas.

Água é fundamental! – Já lemos acima que trata-se do equilíbrio hidro eletrolítico do corpo, além do fato da água ser a responsável pelo transporte dos nutrientes.

Tenha uma dieta saudável e equilibrada – Pratos coloridos e saudáveis ajudam a garantir a ingestão de vitaminas e sais minerais.

 

Preste atenção nos alimentos diuréticos – Aí, minha cervejinha! Sim, evitar alimentos e bebidas diuréticas é importante para evitar a perda de sais minerais e nutrientes.

Alongue antes e depois de se exercitar– Alongar para acordar os músculos e fazer um leve aquecimento sempre antes de começar seus exercícios é essencial.

Use sapatos adequados e confortáveis – Assim minimiza o esforço de seus pés e dedos, principalmente, se você caminha bastante ou trabalha em pé.

Respeite seus limites na hora do treino! – Se exercitar respeitando seu limite individual evita a exaustão muscular.

Estou com câimbra, o que fazer?

Não há muito o que fazer. A melhor coisa é alongar a região na hora da contração. O alongamento estimula a circulação sanguínea da musculatura envolvida, possibilitando a reposição dos nutrientes, vitaminas e sais minerais que estão faltando.  Uma massagem acompanhada de compressa ou bolsa de água quente também ajuda a relaxar a musculatura afetada.

Agora, quando as câimbras se tornam frequentes é sinal de que ou sua alimentação não está adequada ou pode ser indício de problemas de articulação ou postura, que levaram ao maior esforço da musculatura. Neste caso é importante revisar sua rotina alimentar junto a um nutricionista e/ou visitar um ortopedista.

Crédito da foto de capa: https://bemsacado.com.br/

Gostou das dicas? Seja mais um leitor parceiro e nos pague um café!

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar esta plataforma e a atualizar nosso conteúdo com várias dicas bacanas e úteis a você, sem que tenha que pagar nada a mais por isso. Caso tenha que cancelar a reserva por ter encontrado um preço melhor no Booking.com ou em outro parceiro, entre novamente no link de hospedagem abaixo para fazer a transação, já que o site de hospedagem desconsidera a comissão pra gente quando ocorre o cancelamento e é feita uma nova reserva. Muito obrigada ;-)