TV, Televisão, LED, OLED, Smart e ai, o que comprar?

TV, Televisão, LED, OLED, Smart e ai, o que comprar?

Natal chegando, 13º no bolso, neste post aqui o camarada Mateus diz para você colocar 3 escorpiões no bolso e colar os dedos para sobreviver a essa fase com $$$ no bolso. Mas imprevistos acontecem, raios caem, inclusive aquelas blaster mega SUPER MASSA promoção queima de estoque total, mas você tem certeza que está fazendo um bom negócio?

Para te ajudar a economizar “em partes” estou aqui para falar um pouquinho sobre como torrar seu $$$, com classe e sabedoria afinal uma TV na promoção pode significar você estar procurando outra daqui 2 anos, o que não é nada econômico; para meu curriculum a TV atual em casa vai fazer 9 anos, sobreviveu a 1 raio que matou 1 xbox 360, 1 telefone e todo os aparelhos da TV a cabo.

Dicas práticas para escolhermos o aparelho:

1 – Aplicação:

Por mais que eu tenho sonhos de ter uma TV de 80″ para transformar minha casa num cinema, minha sala é estreita e isso ficaria perdido você perde o foco por estar muito próximo. Então saber o tamanho da sua sala é ideal quando definir que modelo você deve escolher e a diferença de preço entre uma TV de tamanho pequeno para uma média e uma média para uma grande é muito e deve ser levado em conta! Mas seguindo o bom senso e o bolso principalmente, uma sala grande como por exemplo 4 metros e uma TV de 20″ vai realmente dar uma sensação que está faltando TV.

2 – Requisitos mínimos:

Como todos sabem o Sinal analógico está indo embora e virando digital (isso para dar um gás ao 4G que divide banda com o sinal antigo de TV)então o mínimo é uma TV de plasma, lcd ou led com conversor integrado, claro que isso é praxe mas alguns modelos antigos (que estão a preço de banana), não tem.

3-PLASMA, LCD, LED, OLED Que diabos é isso?:

As antigas TV, aquela de tubo (tubo de raios catódicos, para ser preciso) usavam um misto de vácuo e elétrons para energizar uma camada de fosforo verde que misturado com fontes de luz azul e vermelha(olha o RGB ai) davam as cores, tecnologia velha, tóxica e um problema de descarte até hoje, então vieram as Tv’s finas, basicamente (bem basicamente) as 4 fontes ai de cima funcionam da mesma maneira, se energizam os gazes que pode ser parentes das luzes florecentes (plasma) ou mesmo versões atualizadas dos Catódicos (LCD e LED) e ainda existe uma 6 fonte o DLP (digital light processing) que é como funcionam os projetores, o projetor é muito legal, uma ótima fonte de home cinema, mas é caro pacas e você precisa trocar a lâmpada de emissão dele dependendo da quantidade de uso, ele dura bem menos que uma TV equivalente, esta manutenção deve ser feita por um técnico e a lâmpada em si já é bem cara. Por isso não vou focar em projetores, mas as regras abaixo servem para eles também.

Plasma:

Tem esse nome porque a tecnologia utiliza pequenas células de gases ionizados eletricamente carregados, ou micro lâmpadas fluorescentes

LCD e LED:

backlight do lcd

Vocês vêm a iluminação atrás da tela?

O LCD é de (Liquid Crystal Display) ou aportuguesando “Tela de cristal líquido”, evitando a nerdice basicamente são camadas de telas ionizadas com cristal líquido entre elas a reação do cristal líquido com a tela forma a imagem para você poder enxergar as telas de LCD tem por trás pequenas lâmpadas fluorescentes. Já a LED (Light-Emitting Diode) é a mesma coisa só que você troca a iluminação de fluorescente para LED, o que é uma grande coisa pois o LED permite uma definição de contraste melhor e o que melhora a imagem como um todo. Estas são as duas opções básicas do mercado hoje, tendo o LCD com um custo um pouco melhor.

OLED

Parente do LED o OLED é (Organic Light-Emitting Diode), uma camada orgânica de semi condutores entre os eletrodos do led (um transparente) melhora a iluminação, contraste e controle da energia, basicamente é um LED melhorado, aonde o preto é real pois ele pode se desligar e ligar em frações de tempo ridículas, TV´s OLED consumem menos energia e tem imagem magnifica, contudo, esteja avisado que a parte Orgânica significa que ela estraga (principalmente o Azul) e a durabilidade de uma TV OLED usada por 8 horas diárias é de 5 anos. Por isso além de ser mais cara (uma TV OLED em promoção com 48″ a 50″ não sai por menos de R$3000,00) tem de se pesar o uso custo/ benefício, é a melhor mas, gasta bem mais rápido. Por curiosidade minha tv é LCD.

4- Definição:

Resolução em escala, por qualidade

Resolução em escala, por qualidade

Além da fabricação da tela como vimos acima, você tem definição o tal do SD, HD, FUll HD e o 4K (UHD) e também o para Xeique e milionários 8K (UHD), basicamente é a qualidade da imagem (o contraste faz parte mas não é tão fundamental agora, SD imagens ruim TV antiga ou 561 linhas interlaçadas, dai vamos para a HD que vai de 720p ou 1080i (não encontramos no Brasil outros formatos de tela) são definições melhores como as de monitores de PC, o P é de pleno e o I de interlaçado, o FULL HD é 1080P o 4K é 2160P e o 8K é 4320P. Em miúdos uma TV HD possui 720 linhas de imagem plenas (uma ao lado das outras) se a mesma TV com o mesmo tamanho for uma 4K ela passa a ter 2160 linhas o triplo de linhas no mesmo tamanho, imagina a espessura dessas linhas. por isso a imagem de uma HD perto de uma 4K é tão gritante a diferença. Pulo do gato, nada menos que FULL HD hoje vale a pena.

A tecnologia esta evoluindo muito rápido para se gastar recursos numa TV que em breve vai cair de uso.

 

5- Smart, 3D ou não?

Primeiramente, 3d caiu por terra a tecnologia não é tão boa quanto o cinema, a vista cansa mais rápido, o custo é maior e por isso a baixa venda, os modelos ficaram encalhados e os produtores ao invés de incentivar conteúdo 3d, forma abandonando lentamente a tecnologia.

Já a Smart TV vem com conteúdos extras, como Netflix, spotify e outros canais digitais, uma entrada para cabo de rede ou wi-fi (embutido ou não) e conteúdo web basicamente um navegador básico, algumas tem redes sociais e acessos a canais de streaming. Isso tudo encarece a TV e a faz gastar mais energia, se você precisa? Depende, se você for comprar um videogame definitivamente não, pois seja Xbox, PS4 ou Switch todas essas funções existem nos videogames sem contar que eles são ótimos reprodutores de BluRay. NOTA: Caso você esteja de olho em uma TV 4K, ai vai precisar desembolsar um extra, para você aproveitar realmente o que a tecnologia oferece vai precisar de um reprodutor 4K, um blu ray 4k sai em média R$800,00, se for para os videogames apenas o PS4 Pro e o Xbox One X reproduzem 4K e estão na faixa de R$2500,00 para o PS4 Pro e R$3500,00 para o Xbox One X, o PS4 Slim e o Xbox S tem uma tecnologia de HDS que é uma melhora ao padrão 1080P mas não chega a os pés do 4K.

Se conseguir trocar a TV esse ano, para o próximo vou de Xbox One X.

Estes são os detalhes principais que você deve ver, temos mais algumas considerações antes de encerrar a matéria.

6- Entradas básicas:

 

Saída para áudio Digital:o foco aqui é no surround, é um básico se você for usar a TV como principal meio de entretenimento, é uma saída de fibra ótica que você conecta na entrada do seu surround vai manter a qualidade do áudio elevadíssima, se você for usar os videogames não precisa se preocupar pois de praxe todos tem essa saída.

Entrada Coaxial: é a velha entrada de antena com a TV digital esse formato de conexão vai acabar se encerrando, é velho e não permite usufruir do máximo da TV, mesmo uma HD tem imagem ruim vinda dessa entrada, está ai por comodidade o mesmo vale para a próxima.

USB: Serve para carregar, fotos, vídeos, músicas não é mais muito utilizável pois a você consegue ligar o PC Facilmente por ele, alguns televisores inclusive possuem comunicação direta com o PC ou você pode deixar um cabo HDMI para ele, leitura abaixo sobre HDMI.

Entrada VGA: Também conhecida como entrada de monitor do PC, serve para televisores mais antigos ou que não atingem o Full HD de qualquer forma ainda existe pois é como os técnicos rodam o diagnóstico em manutenção.

Composite: aquele cabo do Dvd player, da câmera filmadora e dos vídeo games mais antigos, o amarelinho que vinha junto do branco e do vermelho, imagem ruim é só melhor que o coaxial, curiosidade amarelo = vídeo, branco áudio esquerdo e vermelho áudio direito. também ainda existe por conta das tecnologias antigas, ninguém mais fabrica itens para essa conexão que não sejam retrôs se tiver 1 conjunto desse na sua TV está ótimo.

Componente: parecido com o de cima porem melhor, ele divide o amarelo em 3 canais por isso os tons do RGB, verde, vermelho e azul, mas não é exatamente assim serve mais para representar e ainda leva os vermelhos e branco de áudio. Se tiver ouro em sua composição consegue enviar até imagens em UHD, porém como padrão muitas tv´s apenas permitem o FULL HD e o UHD vindos do próximo cabo. Como média 2 entradas para Componente está de bom tamanho, visto que no Brasil os videogames vem geralmente com este cabo, mas você não consegue chegar na qualidade de FULL HD com eles.

HDMI: basicamente o cabo acima fundido em 1 só (inclusive o áudio, por isso a conexão de fibra ótica exclusiva citada anteriormente é recomendada) a diferença está que ele geralmente é composto com fibra ótica e liga de ouro que melhora MUITO o sinal. Mas como dito anteriormente existem cabos componentes de alta qualidade e o hardware do vídeo game e da TV que limitam o HD na conexão componente. HDMI é (High Definition Multimedia Interface) ou interface multimídia de alta definição, aqui a coisa dificulta um pouquinho eles surgiram junto da popularização da TV plana, portanto existem a mais de 15 anos, e já estamos na versão 2.1 dele (2.0 é para UHD) então é um cabo que varia de R$25,00 a 500,00, pois a composição dele é muito importante e o tamanho influência muito no preço, se você tem uma sala com estante e está tudo junto, um cabo de 1m. resolve, já se você tem obstáculos ou um home cinema e precisa de por exemplo 5 m. de cabo varia de R$22 à R$250,00. Dependendo da construção do cabo e para televisores mais sensíveis como o OLED, influência na imagem final.  Agora quantidade a média das tvs é entre 2 ou 3 entradas. Se você não for ter videogames ficaria 1 entrada para um leitor de bluray/appleTV/chromecast e outra para um reciever de home teather.

Recomendo 4 ou mais, pois tenho 2 vídeogames + espaço para chromeCast + um reserva para PC, ou reciever (eu ainda não tenho um surround) velha regra não é muito saudável para o seu aparelho de TV ficar trocando o cabo a toda hora o ideal é deixar lá conectado e esquecer dele por isso não troco os videogames e deixo os 2 ligados.

Dica para cabo HDMI busque o 2.0 se você for atrás de uma TV 4K.

7- Marcas:

Influenciam muito no preço e vão do gosto do usuário, eu não vou defender marca nenhuma aqui, recomendo LG, porque é o que eu tenho e sobreviveu a 1 raio é uma LCD fiel que continua firme e forte e acho que ela dura ai mais uns 2 ou 3 anos, vamos ver.

Tecnicamente todas são boas mas sempre tem alguém que já teve problemas com uma ou outra marca.

Minha última dica não ligue a sua tv direto na tomada, apesar de alguns fabricantes terem estabilizadores nas suas entradas é um equipamento sensível e delicado a surtos de energia, o melhor que você faz é comprar um estabilizador ou um bom filtro de linha (você sabe que ele é bom se na embalagem especificar que ele protege contra surtos de energia), assim você tem o seu investimento protegido e o custo de um bom filtro de linha varia de 30 a 60 reais.

Espero que com essas dicas você consiga achar o melhor produto dentro do custo benefício pretendido já se prevenindo para novas tecnologias e evitando comprar produto antigo encalhado.

Até a próxima,

Ricardo Andion

Gostou das dicas? Seja mais um leitor parceiro e nos pague um café!

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar esta plataforma e a atualizar nosso conteúdo com várias dicas bacanas e úteis a você, sem que tenha que pagar nada a mais por isso. Caso tenha que cancelar a reserva por ter encontrado um preço melhor no Booking.com ou em outro parceiro, entre novamente no link de hospedagem abaixo para fazer a transação, já que o site de hospedagem desconsidera a comissão pra gente quando ocorre o cancelamento e é feita uma nova reserva. Muito obrigada ;-)