Bacalhau crocante com Panko e tahine

Bacalhau crocante com Panko e tahine

Bacalhau crocante com Panko e tahine é mais uma daquelas deliciosas receitas de preparo fácil e uma excelente dica para o almoço de Páscoa. Além de não ter que ficar horas na cozinha, aproveitando mais o seu tempo na companhia dos amigos e família, a receita tem uma flexibilidade para quem estiver com a grana curta e sem condições de comprar o bacalhau, também conhecido com um dos reis da Páscoa. É possível substituí-lo por pescada, que é uma opção bem mais acessível ao bolso.

Caso nunca tenha ouvido falar em farinha Panko, saiba que é um tipo de farinha de rosca (farelo de pão) muito usado no Japão, com textura mais flocada, o que deixa os alimentos mais crocantes e gostosos. Já o maravilhoso molho de tahine, dispensa apresentações! Sou fã e sempre tem sempre na minha cozinha, já que combina com tudo e faz bem pra saúde. Um pote rende bastante e, a minha dica é que você compre nesses mercados de atacado, sai bem mais em conta que nos supermercados e empórios especializados. Vamos a receita de bacalhau crocante com Panko e tahine?

Ingredientes – Bacalhau crocante com Panko e tahine

  • 500 gramas de bacalhau dessalgado ou pescada cortado em pedaços ou tiras;
  • 1 1/2 xícara de Panko ou farinha de rosca;
  • 1/2 xícara de parmesão ralado;
  • 3 colheres de sopa de dill, tomilho ou salsinha picados;
  • Raspas e suco de 1 limão siciliano;
  • 1/2 xícara de tahine;
  • 4 colheres de sopa de água filtrada;
  • 1/2 colher (chá) de sal;
  • Pimenta do reino moída na hora a gosto;
  • Azeite para untar;
  • Fatias de limão siciliano para servir com o bacalhau

Para quem não conhece, o dill ou aneto é uma erva oriunda dos países nórdicos e que combina muito bem com peixes, mas também fica ótimo com carnes e legumes.

Dill, aneto ou endro? No Brasil, a erva recebe esses três nomes, só não confunda com a erva-doce.

Modo de preparo – Bacalhau crocante com Panko e tahine

Em um bowl adicione a farinha Panko, o queijo parmesão, o dill, as raspas do limão siciliano, o sal e a pimenta, misture bem e reserve. Em um prato fundo misture o tahine com a água e o suco do limão siciliano. Caso ainda fique grosso, coloque mais uma ou duas colheres de água e reserve.

Pré aqueça o forno a 200 graus e passe bastante azeite em uma assadeira antiaderente para o bacalhau não grudar.

Coloque aos poucos  os pedaços de bacalhau no molho de tahini e em seguida coloque na vasilha com a mistura de farinha Panko. Movimente o bowl para que todos os pedaços fiquem envolvidos com a Panko. Arrume na assadeira e leve para assar de 15 a 20 minutos ou até que esteja com a crosta dourada.

Empanados e prontos para ir ao forno!

Retire da assadeira com o auxílio de uma espátula e arrume na travessa para servir. Decore com as fatias de limão siciliano e o molho de tahini ao lado.

Você também pode ser servir como entradinha, acompanhado de molho de tahine com salada de avocado, tomate, cebola roxa e dill. Aqui tem uma receita simples e deliciisa de molho de tahine com alho.

Fez alguma das nossas receitas? Marque a gente no Instagram usando a #naopiradesopila.

Produção culinária e fotos: Marianne Rogatto ❤

Gostou das dicas? Seja mais um leitor parceiro e nos pague um café!

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar esta plataforma e a atualizar nosso conteúdo com várias dicas bacanas e úteis a você, sem que tenha que pagar nada a mais por isso. Caso tenha que cancelar a reserva por ter encontrado um preço melhor no Booking.com ou em outro parceiro, entre novamente no link de hospedagem abaixo para fazer a transação, já que o site de hospedagem desconsidera a comissão pra gente quando ocorre o cancelamento e é feita uma nova reserva. Muito obrigada ;-)