O que comer em um restaurante sem prejudicar a balança e a dieta?

O que comer em um restaurante sem prejudicar a balança e a dieta?

Olha só… hoje eu trouxe um tema simples que acredito vai ajudar bastante. O que comer em um restaurante japonês, italiano, brasileiro, sem prejudicar a balança e a dieta?

No japonês

Evite o rodizio! É aquela coisa né gente, quando escolhemos o rodízio, a comida vai chegando, chegando, e uma estratégia muito utilizada por este tipo de restaurante, é servir primeiro os pratos mais pesados, ou seja, aqueles que vão saciar mais rápido a sua fome. Nesse caso, virão primeiro, as frituras como guioza, pasteizinhos primavera, tempurá, aquele shimeji carregado na manteiga, o hot roll frito… Tente se segurar, pegue o cardápio e mire no “a la carte”. Dê preferência a uma porção de sashimi (peixe cru fatiado), acompanhado de alguns sushis (bolinhos de arroz com ou sem algas).

Eu amo sushi, mas para quem está com restrição alimentar, os bolinhos de arroz temperados com açúcar, podem fazer um bom estrago no fim das contas, então seja consciente da quantidade que vai consumir. Incremente com wasabi e gengibre para dar aquela turbinada no metabolismo, e peça chá de ervas para ajudar na digestão!

Preste atenção também no consumo de shoyo. Por ter muito sódio (opte pela versão light), leva a retenção de líquido, além do fato de que a grande maioria das marcas utiliza glutamato monossódico. Um ingrediente que ainda é cercado de muita polêmica (na dúvida, é melhor evitar). Minha dica: misturar um pouco de suco de limão para diluir).

Uma boa opção, pedir um combinado de sushis e fugir do rodízio.
Créditos da foto: Acervo pessoal

No restaurante italiano

Se for possível, escolha massa a base de sêmola (grano duro), pois a massa fresca, na grande maioria dos casos, é feita com farinha de trigo, portanto, de baixo valor nutricional e alto índice glicêmico. Atenção redobrada aos molhos. Fuja dos molhos brancos a base de creme de leite, ou gratinados. Uma bomba calórica. De preferência ao molho de tomate fresco (ao sugo) ou mesmo molho pesto (a base de nozes e ervas). Se for possível, peça uma proteína como acompanhamento para trazer mais equilíbrio a refeição, como por exemplo, um filé de peixe grelhado. Bon appetit!

No restaurante brasileiro

Sem rodeios e direto ao ponto: arroz, feijão, salada e uma proteína. Não tem erro, essa combinação é simplesmente perfeita e agrada a todos os paladares. Fuja da versão acompanhada de batata frita e farofa e tudo certo!

Nessa minha onda #semcarne (não gosto de rótulos, por isso não sou vegetariana, apenas cortei drasticamente meu consumo de carne, consumindo apenas peixe e frutos do mar esporadicamente), arroz, feijão, ovo e salada tornou-se minha combinação favorita.

Uma outra opção bem equilibrada é o picadinho, refeição completa com carne, arroz, um ovo e couve.  Dispense a banana a milanesa ou a farofa, e terá um prato super saúdavel (se você ama banana, faça como eu, prefira in natura).

No restaurante árabe

Eu amo comida árabe, mas alguns cuidados precisam ser tomados, pois muita coisa leva farinha branca. Por conta disso, é preciso ser fazer algumas escolhas, pois não dá para comer esfihas a torto e a direito, aberta, fechada, de queijo, de carne, de verdura. Aí vem o pão torradinho, o beirute.  Fuja também das frituras e dos doces, que em sua maioria levam massa de macarrão (cabelo de anjo), muita manteiga e caramelo de açúcar.

Minhas escolhas: falafel com salada fatuche, sem os croutons. Desta forma, garanto uma boa dose de proteínas e fibras, numa refeição balanceada, e escolho uma esfiha para acompanhar. Se puder optar pelo falafel assado, melhor ainda! De sobremesa, coalhada com mel.

Culinária árabe está cheia de opções saudáveis
Créditos da foto: https://www.assai.com.br/blog/receitas

Outra opção muito boa é optar pelos charutinhos de folha de uva, que podem ser recheados de carne ou vegetarianos, acompanhados de uma porção de arroz com amêndoas. Leve e nutritivo. Hummmm

No restaurante chinês

Grande parte da maioria dos pratos é agridoce, ou seja, tem açúcar na composição. Então se escolher um desses, diminua o consumo de carboidratos, para dar uma compensada nas calorias. Outro ponto que precisamos ficar de olho é nas frituras, pois vários pratos são fritos e empanados (tem até arroz frito!). Prefira também as proteínas grelhadas.

Para garantir uma refeição mais leve e saudável, procure pelos pratos feitos a vapor, e que levam legumes e verduras em sua composição. Minha sugestão: bolinho primavera de legumes assado de entrada, como prato principal que tal, frango com molho de laranja e gengibre, que é grelhado, acompanhado de legumes.

No mexicano

Eu amo comida mexicana, mas tem um problema sério. Tudo é muito calórico! Tacos e nachos são deliciosos, mas são fritos! As carnes em geral são bem gordurosas. O chilli (feijão com carne apimentado) também é uma delícia, mas chega à mesa, coberto com queijo derretido, oque faz com que uma pequena porção tenha mais de 200 calorias.

Novamente é necessário fazer escolhas. Eu não abro mão de uma porção de guacamole, para acompanhar, abro mão do nacho frito, e opto pela versão assada, que é bem menos calórica. Se estiver com fome de comida mesmo, sugiro escolher entre uma quesadillha recheada de frango com chilli ou uma carne grelhada também acompanhada de chilli (sem o queijo por cima!). Uma fajita de carne (tiras de filé-mignon, cebola e pimentão coberto com queijo) pode ser uma boa opção também pois tem cerca de 200 calorias.

Na Hamburgueria

Para muita gente pode soar impossível, mas é possível sim fazer refeições leves e saudáveis a base de hambúrguer!

A Escolha começa pelo ingrediente básico, a carne. Escolher um hambúrguer que tenha como base uma carne magra é fundamental. Hoje em dia há centenas de lanchonetes que trabalham com hambúrgueres gourmet, aqueles preparados artesanalmente com ingredientes de qualidade. Então se puder optar, escolha por um hambúrguer de fraldinha, ou mesmo de frango. São bem mais leves.

O Pic Burguer do Fifties pode parecer bonzinho, mas tem mais de 800 kcal!
Créditos da foto: Fifties

Preste atenção também na escolha do queijo. Dê preferência aos queijos mais claros, que são menos gordurosos. A única exceção quanto à essa regra é a muçarela de búfala, que apesar da cor branca, é tão calórica e gordurosa como os outros. O cheddar, tão famoso, é um dos mais calóricos, chega a ter 130 calorias e 70% de gordura, portanto fuja! Opte pelo muçarela ou queijo prato (ambos têm cerca de 90 calorias cada). Verifique também o molho do sanduíche, se possível peça para vir à parte, assim você pode dosar a quantidade consumida. Eu peço sempre sem molho e fico somente com a mostarda e catchup. Para acompanhar, prefira as batatas assadas, mas se não resistir pelas fritas, opte por meia porção e claro, sem cobertura de queijo nem bacon né?

E aí, bora colocar essas dicas em prática na próxima refeição fora de casa? 

GOSTOU DO POST?

Gostou do post e das dicas? É muito importante para nós, sabermos sua opinião. Deixe um comentário, curta e compartilhe em suas redes sociais. Se perdeu algum dos posts sobre vida saudável, clique aqui e confira.

POSTS RELACIONADOS

Tendências fitness 
Como alcançar suas metas de vida saudável? 
Cafés da manhã saudaveis em São Paulo
Diet ou light, integral, sem glúten, sem lactose? O que é melhor?
10 perfis fitness no instagram para você seguir motivado
Comidas e bebidas que minam sua saúde

Créditos da foto de capa:  http://www.almenat.com.br

Gostou das dicas? Seja mais um leitor parceiro e nos pague um café!

Se esta dica for útil a você, retribua a gentileza e ajude a gente também! Cada vez que você reserva um produto por algum dos links abaixo, recebemos uma pequena comissão que ajuda a monetizar esta plataforma e a atualizar nosso conteúdo com várias dicas bacanas e úteis a você, sem que tenha que pagar nada a mais por isso. Caso tenha que cancelar a reserva por ter encontrado um preço melhor no Booking.com ou em outro parceiro, entre novamente no link de hospedagem abaixo para fazer a transação, já que o site de hospedagem desconsidera a comissão pra gente quando ocorre o cancelamento e é feita uma nova reserva. Muito obrigada ;-)